São Paulo

Hemocentro da Santa Casa de São Paulo precisa urgente de doadores

23/05/2018 às 13:41

O Hemocentro da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo alerta a população sobre a necessidade em receber as doações de sangue, principalmente dos tipos O positivo e O negativo. A preocupação aumenta em virtude da queda no número de doações e estoque crítico dos sangues.

As estações do ano mudam, mas a necessidade de doadores de sangue nos Hemocentros em todo o país não. Com a chegada do outono, a Santa Casa de Misericórdia de São Paulo teve uma queda no número de doações voluntárias, e, neste momento, está com estoque crítico dos tipos sanguíneos O positivo e negativo, com menos de 50% do total de bolsas indicadas para a realização de procedimentos médicos.

De acordo com a Dra. Cárlei Heckert Godinho, responsável pelo Hemocentro da Santa Casa de São Paulo, a queda nas doações de sangue estão afetando de forma dramática o atendimento das urgências no Pronto-socorro, Centro Cirúrgico e aos demais pacientes da instituição. “Necessitamos de doadores de sangue para suprir a demanda transfusional de adultos e crianças; além das urgências, atendemos pacientes clínicos e oncológicos”, acrescenta Dra Cárlei. Segundo ela, uma única doação de sangue pode ajudar a salvar várias vidas em diversas enfermidades e idades, uma vez que o sangue coletado é separado em diferentes hemocomponentes - concentrado de hemácias, plaquetas, plasma fresco congelado e crioprecipitado - e podem ser fracionados quando destinados a crianças.

 

Para doar sangue, é necessário:

- apresentar documento oficial de identidade com foto (RG, carteira de trabalho, certificado de reservista ou carteira do conselho profissional).

- estar bem de saúde, ter entre 16 a 69 anos e 11 meses de idade (os menores de idade somente com a autorização dos pais).

- pesar no mínimo 50 kg;

- vir alimentado, evitando apenas alimentos gordurosos nas últimas 4 horas de antecedem a doação;

- ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas;

• Intervalo entre doações:

   - Mulheres: 3 meses, permitidas até 3 doações/ano

   - Homens: 2 meses, permitidas até 4 doações/ano

 

Sobre o Hemocentro da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo

O Hemocentro da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo é uma instituição privada e filantrópica, voltada para atividades da Medicina Transfusional, com o objetivo de fornecer sangue e componentes de acordo com a legislação vigente e padrões de qualidade.

Iniciou suas atividades em 1943, e em 1980 passou a incorporar os mais modernos métodos da Medicina Transfusional, agregando novos conceitos e conhecimentos nas áreas de Hematologia e Hemoterapia.

Fornece hemocomponentes para o próprio Hospital Central da Santa Casa de São Paulo e outros hospitais externos, atendendo cerca de 5 mil transfusões ao mês.

O Hemocentro está localizado na Rua Marquês de Itu, 579, Vila Buarque e o contato é pelo fone: (11) 2176-7251. Outras informações podem ser acessadas por meio do site www.santacasasp.org.br/doesangue.

 

Sobre a Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo

Fundada há 460 anos, a Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo é uma instituição filantrópica, privada e laica, considerada um dos mais importantes centros de referência hospitalar do Brasil. Sua trajetória é vasta e está, desde o início, atrelada ao desenvolvimento da cidade.

A instituição é prestadora de serviços ao Sistema Único de Saúde (SUS) e a convênios com serviços públicos de saúde, e este compromisso filantrópico faz com que todos os recursos obtidos sejam aplicados em seus hospitais, garantindo a continuidade da assistência. O empenho da organização é para garantir o atendimento a pacientes provenientes do município, embora atenda muitos pacientes de outras cidades do estado de São Paulo e de outros estados do Brasil.

É reconhecida nacionalmente pelo desenvolvimento de pesquisas e por ser referência em média e alta complexidade.

Voltar